Nas Bancas

As confissões de Michael Jackson numa carta enviada a Lisa Marie Presley

A ex-mulher de Michael Jackson mandou retirar de um leilão a carta que o 'rei da pop' lhe escreveu algum tempo antes de morrer, na qual confessava que não se sentia bem.

Redação CARAS
31 de maio de 2012, 16:10

A vida e saúde frágil de Michael Jackson sempre levantaram especulações, contudo, são as causas que levaram à morte do cantor, numa altura em que preparava o regresso aos palcos, que mais despertam a curiosidade dos seus admiradores. Uma carta publicada recentemente, escrita à mão pelo cantor e endereçada à ex-mulher, Lisa Marie Presley, pode dar algumas pistas sobre os problemas que este enfrentava.
Com uma letra muito infantil e desordenada, Michael Jackson confessou à filha de Elvis Presley que precisava de medicação para descansar, que essa era a única solução para os seus problemas de sono que, de acordo com as suas próprias palavras, chegavam a deixá-lo dias a fio sem dormir. "Lisa, preciso mesmo deste descanso. Não durmo há quatro dias, literalmente. Preciso de ficar longe dos telefones e dos negócios. Tenho de cuidar da minha saúde primeiro. Sou louco por ti", pode ler-se na carta. No documento está patente o desespero do cantor e a boa relação que mantinha com Lisa Marie Presley, com quem foi casado entre 1994 e 1996.
Lisa Presley pediu que a carta - que podia alcançar o valor de pelo menos 965 euros - fosse retirada do leilão organizado pela Julien's Auction, em Beverly Hills, que se realiza no próximo dia 24 de junho, e que dará a oportunidade aos admiradores de adquirirem diversos bens do artista.
O leilão de pertences pessoais de ídolos da área da música inclui ainda a túnica que Amy Winehouse usou no videoclip de Rehab, que pode atingir o valor de 13 mil euros, um chapéu que Elvis Presley usou no filme Charro, em 1969, e um dos passaportes de Whitney Houston, que poderá chegar aos 4.850 euros.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras