Nas Bancas

Advogado de Duarte Lima satisfeito com prisão domiciliária, apesar de a considerar 'excessiva'

Raul Soares da Veiga falou aos jornalista depois de ter visitado o seu cliente, que deverá deixar o estabelecimento prisional no próximo sábado.

Redação CARAS / Lusa
18 de maio de 2012, 01:33

O advogado de Duarte Lima disse hoje estar satisfeito com a atenuação da medida de coação agora decidida, mas considera ainda “excessiva” a prisão domiciliária aplicada ao ex-deputado do PSD.
Raul Soares da Veiga falou aos jornalistas à saída do estabelecimento prisional anexo à PJ de Lisboa depois de ter visitado o seu cliente, que quarta-feira viu a sua prisão preventiva ser substituída por prisão domiciliária com pulseira eletrónica, num caso relacionado com a compra de terrenos em Oeiras com dinheiros do Banco Português de Negócios (BPN).

“Não concordamos [com a prisão domiciliária], ainda achamos excessiva, mas é melhor que a prisão preventiva. Estamos mais satisfeitos que insatisfeitos”, afirmou Soares da Veiga.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras