Nas Bancas

Pippa Middleton arrisca prisão

A irmã de Kate Middleton foi fotografada em Paris ao lado de um amigo que apontou uma arma a um fotógrafo.

Redação CARAS
17 de abril de 2012, 16:56

Pippa Middleton esteve em Paris durante o fim-de-semana para a extravagante festa do 30.º aniversário do amigo Arthur de Soultrait, um jovem aristocrata e empresário do mundo da moda. Mas a sua estadia na Cidade das Luzes pode ter um final menos agradável.
A cunhada do princípe William passeava por Paris num carro descapotável com o amigo Arthur de Soultrait e o seu irmão, Marcy de Soultrait, sentados no banco de trás, quando o condutor apontou uma pistola a um fotógrafo.
Foi apresentada queixa e agora, de acordo com o jornal inglês The Sun, a polícia francesa deu início a uma investigação e Pippa Middleton arrisca-se a pena de prisão.
"Qualquer pessoa que esteja envolvida no uso público de uma arma está sujeito a ser preso e interrogado. Por isso, se se provar que ela está envolvida irá ser julgada", terá dito uma fonte áquela publicação.
Em França apontar uma arma em público é punível com pena de prisão e Pippa e os três amigos arriscam-se a apanhar até sete anos se a arma for verdadeira e até dois anos, caso seja falsa.
A irmã de Kate Middleton dirigia-se para a Gare du Nord para apanhar um comboio para Londres quando se deu o incidente.
Recorde-se que França está em alerta máximo de segurança depois de, no passado mês de março, Mohammed Merah ter cometido vários ataques com uma arma e ter morto sete pessoas, das quais três eram crianças. O jovem de 23 anos foi cercado na sua casa e acabou por ser morto pela polícia.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras