Nas Bancas

Scarlett Johansson

Scarlett Johansson

Getty Images

'Hacker' que roubou fotos de Scarlett Johansson declara-se culpado

A sentença será lida em julho, mas Christopher Chaney pode apanhar uma pena que pode ir até 60 anos.

Redação CARAS
27 de março de 2012, 15:55

Christopher Chaney, de 35 anos, deu-se como culpado por ter entrado sem autorização nas contas de correio eletrónico de Scarlett Johansson, Mila Kunis e Christina Aguilera.
O homem teve acesso a fotografias de Scarlett Johansson nua, que acabaram por ser divulgadas na internet, e agora Chaney assumiu a responsabilidade de nove delitos graves, entre eles o facto de ter acedido sem autorização a um computador e roubo de identidade.
Christopher Chaney foi detido imediatamente após se ter dado como culpado e terá de entregar todos os seus computadores, discos externos e telemóvel. O homem, natural da Flórida, confessou ainda ter entrado no correio eletrónico de cerca de 50 celebridades.
A sentença será lida em julho e o hacker arrisca-se a uma pena de prisão que pode ir até 60 anos.
O advogado André Birotte Jr escreveu num comunicado: "A declaração de culpabilidade de hoje é um raio de luz no obscuro mundo dos piratas informáticos. Este caso demonstra que qualquer um, incluíndo as celebridades, devem tomar precauções para proteger a sua informação pessoal dos hackers que habitam este submundo".

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras