Nas Bancas

Javier Bardem: “Decidi, há muito tempo, que só faria aquilo de que gosto mesmo”

Juntos desde 2007, Bardem e Penélope Cruz casaram-se em 2010, quando a atriz já esperava o primeiro filho, Leo, que fez um ano em janeiro. A família reside em Madrid, que os atores preferem aos EUA, apesar das suas carreiras internacionais.

Redação CARAS
25 de fevereiro de 2012, 14:00

Javier Bardem é uma das estrelas do filme Este País Não É Para Velhos, dos irmãos Coen, galardoado com quatro Óscares, um deles para o espanhol, como melhor ator secundário. Aos 42 anos (43 em março), Bardem coleciona prémios – que guarda em casa da mãe e no seu escritório e, confessa, gosta de observar de vez em quando – e pode gabar-se de ter uma boa intuição quando se trata de escolher projetos profissionais, já que o faz, diz, tendo em conta apenas o seu próprio prazer: “Decidi, há muito tempo, que só faria aquilo de que gosto mesmo, sem me preocupar se os outros vão gostar. Felizmente, têm gostado.”
Se a nível profissional as coisas têm corrido bem ao ator espanhol que em jovem sonhava ser pintor, a nível pessoal parecem ser nada menos que perfeitas: casado com a também premiada atriz espanhola Penélope Cruz, concretizou há um ano o sonho de ser pai, com o nascimento de Leo. A harmonia familiar parece ser exemplar, embora os dois preservem ao máximo a sua intimidade, pelo que nunca mostraram o filho. A discrição, aliás, será uma das razões que os leva a manter residência em Madrid, visitando Los Angeles, centro da indústria cinematográfica, apenas quando têm necessidade disso. “Em Espanha todos parecemos mais sãos, de alguma forma. Por um lado há mais pressão, mas por outro há – como dizê-lo? – uma certa falta de ansiedade pelo sucesso”, explica Bardem.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras