Nas Bancas

Reynaldo Gianecchini

Reynaldo Gianecchini

Samuel Chaves / CARAS Brasil

Reynaldo Gianecchini: Febre atrasa autotransplante

O ator está internado há uma semana no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, mas ainda não pode submeter-se à cirurgia que pode devolver-lhe uma vida normal.

Redação CARAS
8 de dezembro de 2011, 17:41

Confiante e cheio de vontadede lutar contra o linfoma não-Hodgkin (cancro no sistema linfático) que lhe foidiagnosticado no final do mês de agosto. É este o estado de espírito de Reynaldo Gianecchini que há cerca deuma semana se encontra internado no hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, àespera de fazer a cirurgia que pode acabar com a doença e devolver-lhe uma vidanormal. Contudo, pela segunda vez o procedimento – um autotransplante decélulas-tronco saudáveis que terão a capacidade de regenerar a medula e refazero sistema imunológico do ator – teve de ser adiado devido a uma febre, cujaorigem os médicos não conseguiram determinar.
Gianecchini deverá então aguardar até que o seu organismo esteja totalmentepronto para a intervenção, que o obrigará a ficar cerca de três semanas emrecuperação. Caso o ator apresente resultados positivos, no espaço de um mês depoisda cirurgia poderá considerar-se que a doença está curada e voltar à suarotina. Em contrapartida, se os resultados obtidos não foram os desejados,Reynaldo Gianecchini terá de submeter-se a mais sessões de quimioterapia.
Entretanto foi também divulgado que o ator já tem projetos profissionais para2012. O argumentista brasileiro Silviode Abreu já confirmou que Gianecchini participará no remake da telenovela Gerrados Sexos, que começa a ser gravada em junho e será emitida a partir desetembro do próximo ano pela Globo. “Gianeestá escalado para fazer Nando, chofer de Otávio, papel de Tony Ramos”, explicouSilvio de Abreu, que tem estadosempre em contacto com a estrela e garante: “Gianeestá ótimo e otimista como sempre”.
De referir que Reynaldo Gianecchini já participou em diversas tramas do autorbrasileiro, como Passione (2010/2011),Belíssima (2005/2006) e As Filhas da Mãe (2002/2002).

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras