Nas Bancas

Dominique Strauss-Kahn aguarda julgamento em prisão preventiva

O diretor do FMI vai comparecer novamente em tribunal na próxima sexta-feira, dia 20.

Joana Carreira
17 de maio de 2011, 12:31
Dominique Strauss-Kahn
vai aguardar julgamento em prisão preventiva. Depois de ter sido detido, na madrugada de sábado, por agressão sexual, tentativa de violação e sequestro, o diretor do Fundo Monetário Internacional e líder do Partido Socialista francês conheceu ontem a acusação.


Durante a audiência realizada ontem à tarde no tribunal criminal de Nova Iorque, a defesa de Strauss-Kahn pediupara sair em liberdade em troca de uma caução de um milhão de dólares, mas a mesma foi-lhe negada pela juíza responsável pelo caso,
Melissa Jackson
.


Dominique Strauss-Kahn
Dominique Strauss-Kahn
Reuters
O motivo da recusa da caução estará na referência a outros casos de teor sexual testemunhados na sala de audiência, envolvendo o diretor do FMI, bem como o
"risco de fuga"
. Strauss-Kahn passou a noite na prisão de alta segurança de Rikers Island.


Dominique Strauss-Kahn comparecerá novamente em tribunal na próxima sexta-feira, dia 20.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras