Nas Bancas

Renato Seabra transferido para prisão de alta segurança

O jovem que confessou ter morto Carlos Castro deixou esta terça-feira a ala psiquiatrica do Bellevue Hospital, onde estava desde o dia em que foi detido pela polícia de Nova Iorque.

Rodrigo Freixo
13 de abril de 2011, 22:45
Renato Seabra
deixou esta terça-feira a ala psiquiátrica do Bellevue Hospital, em Nova Iorque, sendo transferido pelas autoridades para Rikers Island, uma prisão de alta segurança situada numa ilha junto a Queens. A confirmação foi feita à
SIC
por
David Touger
, advogado do jovem português. Renato vai assim aguardar julgamento numa cadeia que é considerada uma das mais violentas do país e por onde já passaram ou ainda estão alguns dos prisioneiros mais perigosos dos Estados Unidos.


Esta é uma prisão considerada temporária, já que nela estão na maioria prisioneiros que aguardam julgamento ou transferência para uma prisão estadual. Em Rikers Island são frequentes as agressões entre os detidos, pois é dominada por vários gangues.


O modelo está numa ala destinada a detidos que aguardam julgamento, mas que nem por isso é menos perigosa que outras. A prisão chegou a ter uma ala
gay
, que servia de proteção para que estes não fossem molestados, o que acontecia igualmente com muita frequência, mas essa ala acabou por ser encerrada há alguns anos.


Renato Seabra vai ficar em Rikers Island pelo menos até ao próximo dia 29 de abril, data marcada pelo juíz para uma nova audiência em tribunal.


*Este texto foi escrito nos termos do novo acordo ortográfico.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras