Nas Bancas

Filipa e Simão Sabrosa em processo de divórcio amigável

"É amigável, continuamos super amigos e só queremos respeito e que não magoem os nossos filhos." (Filipa Sabrosa)

Joana Carreira
16 de fevereiro de 2011, 16:17

Sem dramas ou grandes tragédias. É desta forma que Simão e Filipa Sabrosa encaram o processo de divórcio, que está já em andamento, e que põe fim a um casamento que dura há oito anos. A notícia surgiu na imprensa na mesma semana em que morreu o pai do futebolista, Manuel Sabrosa, vítima de cancro, e talvez por isso tenha tomado proporções um pouco maiores que as desejadas pela família, que apenas tenta proteger as crianças, Mariana e Martim, de dez e seis anos, respetivamente. "Não tenho mesmo nada a declarar. É amigável, continuamos super amigos e só queremos respeito e que não magoem os nossos filhos", afirmou Filipa à CARAS, não escondendo alguma saturação pelas notícias que têm vindo a público.

Filipa Sabrosa com a filha, Mariana
Filipa Sabrosa com a filha, Mariana
Arquivo CARAS
Aliás, a amizade do casal, mesmo depois da terem decidido separar-se, confirma-se pelo carinho e apoio que Filipa mostrou ter por Simão no funeral do pai do jogador. O jogador e a mulher tinham já superado um primeiro momento de crise na relação, quando Simão se transferiu para o Atlético de Madrid. Na altura Filipa continuou a viver em Portugal, para proporcionar algum bem-estar e estabilidade aos filhos, que frequentavam uma escola no Estoril. A recente transferência do jogador para o Besiktas, na Turquia, poderá ter precipitado a separação definitiva, já que Simão ficou a viver ainda mais longe de casa.


Simão e Filipa Sabrosa com os filhos, Martim e Mariana
Simão e Filipa Sabrosa com os filhos, Martim e Mariana
Arquivo CARAS
Filipa, de 35 anos, e Simão, de 31, casaram-se em julho de 2002, na Igreja do Couço, perto de Coruche, numa cerimónia íntima e extremamente romântica e depois de três anos de vida em comum. Na altura a filha do casal tinha apenas um ano e meio e esteve no centro das atenções durante toda a festa, fazendo as delícias dos convidados. Quase no final de 2003 nascia Martim e a família ficava completa. E assim pretende continuar. O amor entre Simão e Filipa poderá ter terminado, mas mantém-se a amizade e os dois vão fazer todos os possíveis para minimizar o impacto do divórcio junto dos filhos, que são, naturalmente, a preocupação máxima de qualquer um dos dois.


*Este texto foi escrito nos termos do novo acordo ortográfico.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras