Nas Bancas

Patrícia Silva e Piet-Hein Bakker

Patrícia Silva e Piet-Hein Bakker

Catarina Larcher

Piet-Hein: "Nunca fui 'workaholic', para mim o mais importante é sempre a família"

O produtor e a mulher, Patrícia, estiveram num evento de apoio à luta contra o cancro da mama e confirmaram que estão atentos às questões de saúde, fazendo rastreios e mantendo bons hábitos.

Joana Carreira
9 de fevereiro de 2011, 11:32
Piet-Hein Bakker
e a mulher,
Patrícia Silva
, deixaram as filhas em casa e tiraram a noite para namorar, divertirem-se

entre amigos e, ainda, apoiar uma causa nobre. O casal marcou presença na 2.ª edição da iniciativa Mais Vale Prevenir 2011, um evento solidário de luta contra o cancro da mama promovido pela Associação Laço, na discoteca Skones, em Lisboa, onde o produtor se mostrou muito preocupado com as questões da saúde em causa:
"A Patrícia faz os rastreios, como qualquer mulher devia fazer. Nós somos uma família preocupada com a saúde. Por exemplo, lá em casa, temos muita atenção com a alimentação, é um cuidado que faz parte da nossa ementa diária, principalmente por causa dos miúdos. Tentamos seguir uma linha equilibrada, mas não pensem que somos a casa ideal com a ementa ideal todos os dias, às vezes há pecados."
Outro hábito saudável que Piet-Hein reclama ter é o de não trabalhar em demasia:
"Sempre foi importantíssimo para mim dar prioridade à família, tenho de encontrar um bom equilíbrio entre o trabalho e a minha casa. Nunca fui, nem vou ser,
workaholic
, não tenho esse feitio.
Para mim, o mais importante será sempre a família."

*Este texto foi escrito nos termos do novo acordo ortográfico.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras