Nas Bancas

Michael Douglas

Michael Douglas

Reuters

Michael Douglas: "O tumor desapareceu"

Depois dos tratamentos de radio e quimioterapia, o ator garante que se sente recuperado do cancro na garganta.

Andreia Guerreiro
11 de janeiro de 2011, 13:33

Aos 66 anos, Michael Douglas enfrenta com otimismo uma fase menos positiva da sua vida. Depois de vários meses de radio e quimioterapia para combater um cancro na garganta diagnosticado em agosto do ano passado, o ator garante que a recuperação está a correr da melhor forma. "Sinto-me bem, aliviado. O tumor desapareceu. Mas claro que vou ter de ser visto por um médico todos os meses, para controlar", afirmou Michael Douglas em entrevista para o programa Today, da NBC, apresentado por Matt Lauer.
O ator adiantou que até já está a recuperar peso, o que o deixa ainda mais animado, apesar de reconhecer que, depois de "seis meses muito violentos", ainda lhe falta percorrer algum caminho para estar totalmente recuperado.

E, tal como já tinha acontecido anteriormente, Michael Douglas realçou a importância o apoio da mulher, Catherine Zeta-Jones, de 41 anos, dos filhos de ambos, Dylan, de dez, e Caris Zeta, de sete, e dos amigos mais próximos. "Todas as demonstrações de afeto da minha família, dos meus amigos e dos meus fãs deram-me uma força que eu nunca imaginei ter. E tudo isto me ensinou a perceber a importância dos amigos e da família. São sentimentos muito profundos. Também falei com outros pacientes com cancro e aprendi a valorizar o que a vida tem de mais importante", concluiu.

*Este texto foi escrito nos termos do novo acordo ortográfico.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras