Nas Bancas

Mãe de Renato Seabra já está em Nova Iorque: "O meu filho não era namorado de Carlos Castro"

Odília Pereirinha viajou esta manhã, sozinha, para os Estados Unidos para dar apoio ao filho, que pretende trazer para Portugal.

Rodrigo Freixo
9 de janeiro de 2011, 19:56

Odília Pereirinha, mãe de Renato Seabra, principal suspeito da morte de Carlos Castro, viajou este domingo para Nova Iorque onde pretende dar apoio ao filho, que continua detido na ala psiquiátrica do Bellevue Hospital. "O meu filho seria incapaz de cometer... o que está a acontecer. Quero falar com ele e só aí vou perceber o que está a acontecer", afirmou a mãe do modelo em declarações à TVI, no aeroporto da Portela. Odília garante ainda que o filho não é homossexual. "O meu filho não era namorado do Carlos Castro. Ele, desde o primeiro instante, nunca escondeu a sua sexualidade, que é heterossexual", acrescentou Odília ao mesmo canal de televisão. A mãe de Renato diz também que o filho terá visto em Carlos Castro "o pai que nunca teve", e que apenas pretendia que o cronista social o ajudasse no mundo da moda.

Uma amiga próxima de Renato disse ainda que o jovem afirmou, antes de ir para Nova Iorque, que ia fazer um desfile de moda. A mesma amiga garante que lhe conheceu várias namoradas e que acredita "piamente" que este foi "enganado".

*Este texto foi escrito nos termos do novo acordo ortográfico.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras