Nas Bancas

users_0_15_montagem-3b95.jpg

Paróquia do Estoril promove compras de Natal solidárias

"Este é um ótimo sitio para comprarmos os presentes de Natal." (Mercedes Balsemão)

Melissa Tavanez
17 de dezembro de 2010, 14:29

Fotos: Catarina Larcher

Há pouco mais de um ano, a paróquia do Estoril realizou um sonho antigo com a conclusão do novo complexo da Senhora da Boa Nova. Agora, no lugar onde estavam as barracas do antigo Bairro do Fim do Mundo, está um novo centro comunitário, um colégio, uma igreja e vários núcleos que prestam apoio social à comunidade. Para ajudar a pagar a construção desta obra, os paroquianos reuniram-se e decidiram criar uma venda de Natal. A proposta é simples: enquanto compram os presentes para oferecer aos amigos e familiares, os clientes estão a contribuir para esta causa.

Maria do Rosário Líbano Monteiro, vice-presidente do Centro Paroquial do Estoril, foi uma das principais mentoras desta venda e explicou à CARAS como é que foi possível montar este conjunto de lojas improvisadas: "Ainda devemos muito dinheiro desta obra e temos mesmo de arranjar fundos. Aqui pode-se comprar roupa para adultos, para bebés, pratas, antiguidades, pode-se comer... Temos muita coisa e há presentes para todos os Natais. Aqui, as pessoas são muito ligadas à paróquia e quem é paroquiano no Estoril é ativo, não há paroquianos passivos e, por isso, todos ajudam, seja a comprar, a dar coisas ou a fazerem de vendedores." Mercedes Balsemão, que integra a comissão de honra desta iniciativa, deu o exemplo e fez questão de passar por todas as bancas disponíveis. "O meu neto mais velho anda na escola que pertence ao complexo e tudo o que eu puder fazer para os ajudar, faço. Toda a gente sente a crise. Esta é uma maneira de conseguirmos fundos e é um ótimo sítio para comprarmos os presentes de Natal, porque há muita variedade. Eu compro sempre tudo com muita antecedência", explicou a presidente da SIC Esperança.

Esta venda contou com o apoio e empenho de várias senhoras da sociedade portuguesa, entre elas Teresa Lavradio, Madalena Capucho e Céu Garcia.

*Este texto foi escrito nos termos do novo acordo ortográfico.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras