Nas Bancas

Ruy Silva expõe em Gaia antes de levar os seus quadros à China, já este mês

"Esta exposição retrata os bons momentos da minha vida, que são os que guardo comigo." (Ruy Silva)

Andreia Guerreiro
9 de dezembro de 2010, 18:25

Natural de Viseu, Ruy Silva mudou-se para Vila Nova de Gaia há vários anos e foi aqui que quis fazer a sua mais recente exposição, A Minha Memória Azul das Laranjas.

Orlando e Adelaide Araújo
Orlando e Adelaide Araújo
Joaquim Norte de Sousa
Apesar de já ter exposto em países como França, Japão ou EUA, esta é a primeira vez que mostra a sua obra na cidade que o acolheu, na Casa-Museu Teixeira Lopes. E fá-lo com grande satisfação:
"É um orgulho expor neste espaço. Sente-se que viveu cá um artista!"


Vera Mira e Luís Santos
Vera Mira e Luís Santos
Joaquim Norte de Sousa
A celebrar os 20 anos da sua carreira de pintor e artista plástico, Ruy Silva apresenta um conjunto de novas obras que revelam uma revitalização do seu trabalho:
"Esta exposição retrata os bons momentos da minha vida, que são os que guardo, daí o nome da exposição. O azul é uma cor que está ligada ao espiritual, ao que é bom, e o laranja está associado ao positivismo e à energia positiva, que faço questão de ter na minha vida."


Maria Augusta Osório de Castro, Rosa Duarte Pinto e Maria Adelaide Osório de Castro
Maria Augusta Osório de Castro, Rosa Duarte Pinto e Maria Adelaide Osório de Castro
Joaquim Norte de Sousa
Nesta ocasião, em que esteve rodeado de amigos, Ruy Silva falou ainda da viagem que vai fazer à China, onde, a 20 de dezembro, expõe na Guangzhou International Luxury Exhibition.


*Este texto foi escrito nos termos do novo acordo ortográfico.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras