Nas Bancas

users_0_14_estreia-da-peca-sabina-freire-d5d7.jpg

FOTOGALERIA: Emoções fortes na estreia da peça 'Sabina Freire'

Na estreia, a atriz Maria Dulce, que morreu em agosto último quando estava a ensaiar a sua participação na peça, foi homenageada.

Andreia Guerreiro
19 de outubro de 2010, 19:28


FOTOS:
Natacha Brigham


A noite de 5 de Outubro de 2010 vai ficar, para sempre, gravada na memória de
Celso Cleto
e
Sofia Alves
. Poderia ser apenas a data da primeira representação, no Auditório Municipal Eunice Munõz, em Oeiras, da peça
Sabina Freire,
de que Celso é encenador e Sofia protagonista, mas o momento ficou ainda marcado pela homenagem a
Maria Dulce
e pela estreia em palco da filha mais velha de Celso,
Rita Cleto
, de 19 anos.


"Ainda estou a tentar cortar o cordão umbilical... Ainda há umas coisas que se misturam, mas, lentamente, vamos melhorar isso"
, confessou o encenador, acrescentando: "
Ainda estou a gerir a relação de pai e filha. Não sei explicar. Ia ver as provas dela e não percebia se ela tinha jeito ou não. Havia duas coisas que eu não queria que ela fosse: jornalista e atriz. Agora, quero é que ela trabalhe com muita gente e não apenas comigo
."


Igualmente feliz com esta estreia estava Sofia Alves. A atriz, emocionada, não conteve o que sentia:
"Estou tão orgulhosa da minha Rita! Ela é uma miúda incrível e preparou-se muito bem para esta peça. É muito batalhadora e tem uma cultura geral muito forte. Luta e trabalha muito e é um orgulho vê-la crescer tão bem. Fiquei muito emocionada, porque ela é minha filha também. É um momento único. Faço ideia do que o Celso sente ao ver a Rita passar de menina a mulher... E que bem que ela se estreou!"

Durante a conversa com os jornalistas, Sofia Alves acabou por confirmar que o anunciado casamento pela igreja, previsto para este ano, teve que ser adiado para 2011:
"Gostávamos muito que fosse ainda este ano, mas não há hipótese. Para o ano é certamente. Será uma cerimónia muito intimista, na capela da nossa casa em Viseu. Não é essencial, mas ambos queremos muito, como católicos que somos."


Terminada a peça, todo o elenco, bem como diversos convidados, prestaram homenagem a Maria Dulce, atriz que morreu no passado mês de Agosto, quando estava a ensaiar a sua participação em
Sabina Freire
, tendo sido substituída por
Manuela Maria
. Na ocasião,
Isaltino Morais
, presidente da Câmara de Oeiras, afirmou:
"A vida é feita de gestos e esta foi uma forma simples de homenagear uma grande atriz."


*Este texto foi escrito nos termos do novo acordo ortográfico.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras