Nas Bancas

Mischa Barton: "Sou demasiado nova para pensar em casamento"

Aos 24 anos, a britânica tem uma carreira de sucesso no mundo da moda e da representação.

Joana Carreira
13 de setembro de 2010, 11:38

Conhecida sobretudo depois de ter dado vida à personagem Marissa Cooper na série O.C. - Na Terra dos Ricos, Mischa Barton parece ser mais um daqueles casos problemáticos de jovens que encontram a fama demasiado cedo e acabam por se refugiar no álcool e nas drogas. Aos 24 anos, já foi detida por conduzir embriagada, fotografada a fumar o que se supôs ser marijuana e internada numa clínica psiquiátrica na sequência de uma aparente tentativa de suicídio.
Mas em Hollywood nada disto impede uma atriz de ter sucesso, pelo que Mischa, de origem britânica mas radicada nos Estados Unidos, continua a ser procurada para trabalhar tanto na representação como na pele de modelo. Foi precisamente a propósito das fotos que fez para a marca de vestidos de noiva Rosa Clará que deu algumas declarações à CARAS, mas sem querer abordar os problemas que atravessa.

Mischa Barton
Mischa Barton
Outumuro
- Foi a estrela da apresentação da nova coleção de Rosa Clará na Semana da Noiva, em Barcelona. Como se sentiu ao usar um vestido destes?
Mischa -
Foi a primeira vez que desfilei com um vestido de noiva e foi impressionante.


- Planeia casar-se?
-
Sou demasiado nova para pensar em casamento, mas... nunca se sabe.


- Mas imagino que este trabalho a tenha feito pensar no que quereria para vestido de noiva. Acha que iria escolher esta estilista?
-
Claro que sim. A Rosa disse que me oferecia um vestido de noiva, mas ainda é muito cedo para falar disso...


- Quer ter filhos?
- As crianças são importantes, mas sou muito nova para pensar nessas questões. Sou uma bebé. [risos]


Mischa Barton
Mischa Barton
Outumuro
- Começou cedo a carreira de atriz e acabou por crescer no mundo da representação...
-
O início de qualquer carreira é difícil, mas estou a trabalhar em algo de que gosto.


- A sua família sempre apoiou as suas escolhas profissionais?
-
A família é muito importante para mim. Adoro a minha família e eles são fantásticos.


- A série O.C. - Na Terra dos Ricos deu-lhe fama mundial. Como foi essa experiência?
-
O.C.
deu-me tudo o que tenho neste momento, experiência, e ensinou-me a trabalhar. Diverti-me durante esse tempo.


- Foi difícil lidar com a exposição mediática?
-
Quando se trabalha nesta área, a nossa vida é pública, é difícil ter uma vida privada.


- É sonhadora?
-
Por vezes sou sonhadora, mas sempre com os pés na terra.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras