Nas Bancas

Elisabetta Canalis e George Clooney

Elisabetta Canalis e George Clooney

Reuters

Elisabetta Canalis fala da relação com George Clooney

A apresentadora acredita que as críticas ao seu namoro com o ator são fruto da "inveja".

Joana Carreira
3 de agosto de 2010, 17:34

A namorada de George Clooney, Elisabetta Canalis, acredita que todas as críticas à sua relação com o ator norte-americano se devem à "inveja" das pessoas. "A melhor vingança nos confrontos com os invejosos é a felicidade, pois é isso que eles não perdoam", afirmou a apresentadora italiana numa entrevista dada à revista Vanity Fair.

Durante esta ocasião, Elisabetta Canalis criticou ainda a atitude dos paparazzi, bem como os rumores de que tem sido alvo: "Às vezes sou seguida até ao supermercado, mas passado um bocado cansam-se. (...) Não espero ser aplaudida, mas também não tolero que os periódicos tomem como referência um blogue cheio de rumores, insultos, racismo e violência."

No entanto, a relação com George Clooney, de 49, não trouxe apenas aspetos negativos à vida da apresentadora e atriz, de 31 anos. Elisabetta Canalis garante considerar o namoro prioritário, assegurando que o ator voltou a dar cor à sua vida, fazendo-a sentir-se "jovem, como quando tinha 18 anos".

Na entrevista, a italiana avançou também que o que mais gosta no namorado é a sua "humanidade", uma qualidade que vai ser reconhecida nos próximos prémios Emmy. No dia 29 de agosto o ator vai receber o prémio Bob Hope pela ajuda humanitária dada aos sobreviventes do terramoto no Haiti.

*Este texto foi escrito nos termos do novo acordo ortográfico.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras