Nas Bancas

Martina Navratilova

Martina Navratilova

Reuters

Martina Navratilova fala sobre o cancro da mama

A ex-tenista descobriu a doença durante um exame de rotina e está optimista na recuperação.

Andreia Guerreiro
16 de abril de 2010, 14:19

Passaram cerca de dois meses desde que Martina Navratilova soube que tinha cancro da mama. Aos 53 anos, a ex-tenista encara com optimismo esta fase complicada da sua vida e, embora no início tenha sido difícil aceitar, decidiu tornar pública a notícia de forma a ajudar outras mulheres que se deparem com o mesmo problema. "Sinto-me bem, foi difícil quando tomei a decisão de tornar pública a doença. Fui convidada para uma série de entrevistas e isso deixou-me mais cansada que a cirurgia a que fui submetida", afirmou a ex-desportista em entrevista. "Quero relembrar todas as mulheres para fazer os exames de rotina, para que os diagnósticos possam ser feitos rapidamente", advertiu Martina Navratilova.
No próximo mês de Maio a desportista começa a fazer tratamento de radioterapia, que se irá prolongar durante um mês e meio. Mas, de acordo com o médico que acompanha Martina Navratilova, o prognóstico é bom, visto que o cancro foi detectado cedo.

CLIQUE PARA SUBSCREVER A NEWSLETTER DA CARAS

Siga a CARAS no Facebook e no Twitter !

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras