Nas Bancas

Catarina Furtado entrega prémio ao pai: "Confesso que me emocionei"

Catarina apresentou a Gala do Prémio Autores 2010, na qual o pai, Joaquim Furtado, foi distinguido.

Melissa Tavanez
19 de fevereiro de 2010, 14:19

O dia 8 de Fevereiro ficará marcado nos corações de Joaquim e Catarina Furtado. Foi o dia em que a apresentadora e actriz chamou o pai ao palco para receber um prémio. O documentário A Guerra - II, da RTP, venceu a categoria de Melhor Programa de Informação na primeira edição do Prémio Autores 2010, promovido pela Sociedade Portuguesa de Autores, que aconteceu no CCB com a apresentação de Catarina. No final da gala, Joaquim Furtado admitiu que gosta de receber prémios "porque os entendo como um reconhecimento do nosso trabalho" e, neste caso, não escondeu que o facto de ter sido a filha a chamá-lo ao palco "tornou o momento especial".

Catarina Furtado a entregar o prémio ao pai, Joaquim
Catarina Furtado a entregar o prémio ao pai, Joaquim
Catarina Larcher

Catarina também reconheceu a importância emocional da noite que acabara de conduzir. "Confesso que me emocionei. É um prémio muito merecido, porque é um trabalho de autor que tem dado ao meu pai milhares de horas de trabalho e que nos retira um pai, um marido e um avô, embora ele não deixe de estar presente. Acho que é um trabalho muito meticuloso, rigoroso e muito ético. Acho que é um excelente exemplo do que é fazer bom jornalismo. Por isso, acho muito bem que seja reconhecido."

Joaquim Furtado com a filha, Marta, e a mulher, Maria Helena
Joaquim Furtado com a filha, Marta, e a mulher, Maria Helena
Catarina Larcher

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras