Nas Bancas

Verónica Lario e Sílvio Berlosconi

Verónica Lario e Sílvio Berlosconi

Reuters

Ex-mulher de Berlusconi exige pensão de 3,5 milhões de euros mensais

Verónica Lario recusou a proposta de 200 mil euros feita pelo primeiro-ministro italiano.

Melissa Tavanez
28 de novembro de 2009, 15:57

A meio do processo de divórcio, Verónica Lario recusou a proposta feita pelo ex-marido, Sílvio Berlosconi, de lhe pagar 200 mil euros por mês e exige uma pensão de 3,5 milhões de euros mensais.

A actriz decidiu por fim ao casamento de 19 anos com o primeiro-ministro italiano antes do Verão por causa dos constantes escândalos em que via a sua família ser envolvida devido aos supostos envolvimentos do político com mulheres mais jovens e agora quer ser recompensada pelos danos morais causados pelo chefe do Governo, que é também o homem mais rico de Itália.

Recorde-se que Sílvio Berlusconi já deu 60 e tal milhões de euros à ex-mulher para as despesas relacionadas com a educação e alimentação dos filhos do casal - Bárbara, Eleonora e Luigi - e mostra-se também disposto a deixar-lhe a mansão onde viviam.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras