Nas Bancas

Maitê Proença em exclusivo à CARAS: "Amo e amarei Portugal"

A actriz deu a sua opinião ao site da CARAS Brasil e, segundo ela, tudo não passou de um grande mal entendido.

Pedro Amante
14 de outubro de 2009, 18:14

Dois dias depois do início da polémica, a actriz brasileira Maitê Proença deu a sua opinião ao site da CARAS Brasil . Segundo ela, tudo não passou de um grande mal entendido: "Amo e amarei Portugal, independentemente dos mal intencionados", declarou Maitê. "É uma pena, mas hoje, qualquer cobarde, escondido atrás de cara nenhuma, pode tirar algo de seu contexto e começar um linchamento via internet", desabafou a actriz, que, assim que soube da manifestação, gravou um pedido de desculpas aos portugueses que se sentiram ofendidos.

Para além de gravar um depoimento com o pedido de desculpas, Maitê também fez questão de publicar no seu site oficial uma carta aos portugueses. "Antes de mais nada, peço perdão a quem possa ter ofendido. Aquele é um vídeo caseiro, artesanal, produzido entre amigos num dia de folga enquanto estive em Portugal, em Março de 2007, há dois anos e meio. Excursionei por um mês ao longo do país levando uma peça de teatro de minha autoria, e, à volta de viagem, o vídeo foi exibido no 'Saia Justa', pois este é um programa - em que sou uma das apresentadoras - que compreende o humor; nós ali brincamos com o papa, com o presidente Lula, com nossas mazelas pessoais", justificou a actriz, que apresenta o programa de TV semanalmente desde 2005, ao lado de Mônica Waldvogel, Betty Lago e Márcia Tiburi.

No seu texto, Maitê ainda diz que os brasileiros, "regra geral são assim, irreverentes" e, por isso, justifica, "brincamos com aquilo por que temos carinho". Descendente de portugueses, citando os avós Augusto Gallo, patrono benfeitor do Clube Português do Rio de Janeiro, e Proença, Maitê finaliza o pedido de desculpas dizendo que, como portuguesa, "sinto que posso brincar com os meus, exactamente como os portugueses fazem ao contar piadas dos brasileiros".

Ontem, a assessoria de imprensa do canal GNT, no qual o vídeo sobre Portugal foi veiculado, divulgou uma nota oficial lamentando a situação e assegurou que a actriz não teve a intenção de ofender os portugueses.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras