Nas Bancas

Primeiras declarações de Barack Obama depois da atribuição do Nobel da Paz

No seu primeiro discurso depois de ter sido anunciada a distinção, o presidente norte-americano revelou-se surpreendido.

Andreia Guerreiro
9 de outubro de 2009, 17:22

"Penso que não mereço este prémio. (...) [Mas] aceitarei esta recompensa como um apelo à acção, um apelo lançado a todos os países para que façam frente aos desafios globais do século XXI." Foram estas algumas das primeiras palavras proferidas no breve discurso de Barack Obama sobre a atribuição do Prémio Nobel da Paz 2009. "Recebo a decisão do comité Nobel com surpresa e profunda humildade", afirmou Obama, adiantando ainda: "para ser sincero, penso que não mereço estar na companhia de tantas personalidades que transformaram a sua época e que foram distinguidas com este prémio".

Barack Obama
Barack Obama
Reuters
A entrega do galardão terá lugar a 10 de Dezembro, em Oslo, e o presidente dos Estados Unidos já confirmou que se deslocaria à capital norueguesa para marcar presença na cerimónia. E, para além do prémio monetário, que ronda os 980 mil euros, Obama receberá também uma medalha e um diploma.


Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras