Nas Bancas

Elton John não será autorizado a adoptar Lev

O cantor conheceu o menino durante uma visita a um orfanato ucraniano e sentiu de imediato vontade de lhe dar um lar.

Andreia Guerreiro
6 de outubro de 2009, 17:30

Alguns minutos bastaram para que Elton John sentisse uma enorme empatia por Lev, o menino de 14 meses que conheceu durante uma viagem à Ucrânia. O cantor, de 62 anos, deu uma conferência de imprensa num orfanato do país sobre a temática da Sida e pouco depois de ter conhecido Lev afirmou mesmo que tanto ele como o seu companheiro, David Furnish, de 46 anos, tinham vontade de o adoptar.

Elton John com Lev
Elton John com Lev
Reuters
Mas, depois das autoridades já terem afirmado que Elton John não poderia proceder à adopção, pois a mãe da criança, também ela portadora de Sida, ainda é viva e detém os direitos parentais. Além disso,
Marina
, a progenitora de Lev, de 25 anos, veio agora a público afirmar que
"não daria o filho a Elton John por nenhum dinheiro do mundo"
, isto apesar da custódia do menino, bem como do seu outro filho, lhe ter sido retirada devido aos seus problemas com o álcool.
"Percebo os sentimentos de Elton, Lev é um bebé muito alegre e risonho, é impossível não querer tê-lo, mas vou ultrapassar os meus problemas para voltar a ter os meus filhos comigo outra vez"
, acrescentou ainda a jovem.


Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras