Nas Bancas

Morreu Morais e Castro

Aos 69 anos, o actor morreu vítima de cancro.

Melissa Tavanez
22 de agosto de 2009, 16:53

José Armando Tavares de Morais e Castro morreu esta tarde, no Instituto Português de Oncologia, em Lisboa, local onde se encontrava internado. O actor e encenador, de 69 anos, tinha mais de 50 anos de carreira em teatro e televisão, tendo também exercido advocacia, área em que era licenciado pela Universidade de Direito de Lisboa.
Morais e Castro, que era casado com a actriz Linda Silva, ficou também conhecido pela sua ligação ao Partido Comunista Português, do qual era militante e dirigente, e nos anos 90 popularizou-se pela interpretação de professor na série da RTP As Lições do Tonecas.
A actriz Manuela Maria conheceu Morais e Castro "ainda ele era um menino", quando contracenou com ele pela primeira vez (ao longo dos anos trabalhariam juntos muitas vezes, em teatro e televisão), numa peça no Teatro Monumental, em 1966, com Ribeirinho, Catarina Avelar e Rui Mendes, e recorda-o como um homem "com uma grande alegria e prazer de viver, que deve ter sofrido muito com a ideia de morrer, porque tinha uma vida óptima, de harmonia, com a mulher, a actriz Linda Silva, com os filhos, fruto de um anterior casamento, e com os netos".
A relação da viúva de Armando Cortez com Morais e Castro "era de amizade muito próxima, com ele e com a Linda", até porque, adianta, "o Armando e o Morais e Castro eram muito amigos. E depois, tínhamos também em comum a Casa do Artista, de cujos corpos sociais ele fazia parte".
E foi na Casa do Artista, de cuja direcção faz parte, que Manuela Maria acompanhou de perto os últimos meses de vida do actor, que ali permaneceu até há um mês, altura em que foi internado no IPO, pois, lembra a actriz, "a Casa do Artista não é um hospital, e a partir de uma certa altura ele precisou de cuidados médicos que nós não lhe podíamos prestar".

Morais e Castro com a mulher, Linda Silva, na festa do 10.º aniversário da CARAS
Morais e Castro com a mulher, Linda Silva, na festa do 10.º aniversário da CARAS
CARAS

O corpo de Morais e Castro vai ser velado no Palácio Galveias, em Lisboa, a partir das 20h00 de hoje e segue amanhã às 15h30 para o Cemitério do Alto de S. João.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras