Nas Bancas

Catarina Vaz Pinto e António Guterres

Catarina Vaz Pinto e António Guterres

Paulo Jorge Figueiredo

Catarina Vaz Pinto e António Guterres: Momentos de cumplicidade em Lisboa

Foi evidente a cumplicidade entre o Alto-Comissário e a mulher, durante a entrega do Prémio Internacional, atribuído pela Fundação Gulbenkian. De mãos dadas, o casal mostrou que continua unido.

Melissa Tavanez
3 de agosto de 2009, 10:29

Casados desde Abril de 2001, Catarina Vaz Pinto, de 49 anos, e António Guterres, de 60, sempre assumiram uma postura social muito discreta que apenas é alterada em momentos especiais. Foi o que aconteceu durante a entrega do Prémio Internacional Calouste Gulbenkian, atribuído ao antigo primeiro-ministro pelo trabalho desenvolvido à frente do Alto-Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR).
Antes e depois da cerimónia, que decorreu em ambiente informal, foi visível a cumplicidade e a união do casal, simbolicamente reafirmadas pelos momentos em que estiveram de mãos dadas. "Este prémio tem um grande valor simbólico e é um enorme estímulo num momento difícil", afirmou Guterres, referindo-se às actuais situações de conflito no mundo. Com o mandato a terminar, o Alto-Comissário reconheceu, numa entrevista recente, que as suas funções têm "um impacto pesado sobre a família". Note-se que, desde que assumiu a liderança desta organização internacional, em Maio de 2005, Guterres tem passado mais tempo em Genebra, onde está situada a sede, do que em Portugal, onde continua a residir a família. Quando cá vem, não só aproveita para estar com a mulher como com os filhos, Pedro e Mariana, do seu primeiro casamento (Catarina tem também um filho, Francisco, de 11 anos,) e a neta, Maria Ana, nascida este ano.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras