Nas Bancas

Edição especial Michael Jackson - As polémicas

Eterna criança ou monstro, o cantor protagonizou vários escândalos

Andreia Guerreiro
11 de julho de 2009, 19:35

Negaram-lhe o direito à infância e por isso não conseguiu crescer, defendem os que não conseguem aceitar a imagem monstruosa que se construiu de Michael Jackson. A verdade é que se sabe que viveu a adolescência deprimido e diz-se que, já adulto, dormiria numa câmara hiperbárica para prolongar a juventude. A isso somam-se as sucessivas plásticas, que começaram na sequência de uma fractura nasal, mas acabaram por lhe desfigurar totalmente o rosto. Michael teria, de facto, um coração de Peter Pan que o fez negar a idade adulta, recusando as rugas e rodeando-se de crianças?

Em 2005, quando foi julgado por novas acusaçõs de pedofilia
Em 2005, quando foi julgado por novas acusaçõs de pedofilia
D.R.
Ou, por detrás de todas as acções generosas que promoveu no sentido de ajudar meninos desfavorecidos de todo o mundo, escondia-se realmente um monstro capaz de se aproveitar dos meninos que recebia no seu rancho/parque de diversões de Nerverland (
Terra do Nunca
, como na história de Peter Pan)?


Estas questões, que ajudaram a destruir a carreira do cantor, levando-o quase à ruína, poderão nunca ter resposta. Sem resposta talvez fique, também, a questão do branqueamento da pele do músico. Muito se especulou sobre o assunto, sendo a teoria mais defendida que Jackson tomaria medicamentos para despigmentar, mas ele negou, dizendo que sofria de vitiligo, uma doença que provoca precisamente a despigmentação.


Os filhos do cantor andavam sempre tapados
Os filhos do cantor andavam sempre tapados
D.R.
Outro tema quente foram os filhos. Por ter sido sempre bem claro que a relação com
Debbie Rowe
era uma farsa; por aparecer sempre com as crianças cobertas com véus ou máscaras (que ele próprio usou durante anos); por ter apresentado o mais novo,
Prince Michael II
, nascido de uma barriga de aluguer, pondo-o para fora da janela de um hotel de Berlim.


Em Novembro de 2002, quando mostrou o filho mais novo Prince Michael II pela primeira vez
Em Novembro de 2002, quando mostrou o filho mais novo Prince Michael II pela primeira vez
D.R.
Mas mesmo muitos dos que não acreditam na inocência de Jackson conseguem separar o homem do génio, reconhecer a sua importância na história da música
pop
, ou seja, da segunda metade do séc. XX.


Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras