Nas Bancas

Cláudio Ramos e Nuno Eiró

Cláudio Ramos e Nuno Eiró

Caras

Ao lado dos amigos, Cláudio Ramos fala de 'Abraça-me': "É o meu melhor livro"

O escritor apresentou o seu mais recente livro na Bertrand do Amoreiras Shopping Center, em Lisboa

Melissa Tavanez
5 de julho de 2009, 15:10

Cláudio Ramos nunca escondeu o desejo de se tornar apresentador televisivo. Contudo, a escrita parece ser uma forma de expressão cada vez mais cara ao comentador. Depois de Geneticamente Fúteis, Cláudio escreveu Abraça-me, um livro que fala de amor, perda e dor. É, como o autor confessou, uma obra muito mais intimista e pessoal do que as anteriores: "O livro tem muito do Cláudio Ramos. Foi escrito ao longo de quatro anos, sem pressões, obrigações ou prazos a cumprir. Aqui estão várias fases da minha vida, o nascimento da minha filha, o meu divórcio, a minha vinda do Alentejo para Lisboa, problemas emotivos, relação com os amigos..."
Apesar de ter muito de si, o comentador confessa que não se sente exposto e que tem muito orgulho em poder publicar uma obra tão sincera como esta: "Quero que as pessoas fiquem muito mais com a ideia do Cláudio Ramos que escreveu o Abraça-me, do que o Cláudio Ramos que escreveu o Geneticamente Fúteis, do qual também me orgulho muito, mas este último é muito mais eu. Mas, apesar disso, não nos podemos esquecer de que a história que conto não é a minha, é ficção. Para mim, é o meu melhor livro."
Perceber quem é o verdadeiro Cláudio Ramos não parece ser algo óbvio. Conhecido por ser directo e implacável nos comentários que faz, confessa que a sua personalidade é muito mais frágil do que aquela que a sua imagem pública deixa adivinhar: "Não sou assim tão seguro, acutilante ou verdadeiro como pareço. Sou uma pessoa com as minhas inseguranças e fragilidades e é esse lado que mostro no livro."

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras