Nas Bancas

Madonna e Mercy James

Madonna e Mercy James

Reuters

Pai biológico de Mercy James retira pedido de custódia da menina

James Kambewa tentou impedir Madonna de adoptar a menina, mas agora que o tribunal decidiu a favor da estrela, mudou de atitude

Andreia Guerreiro
15 de junho de 2009, 18:49

Se inicialmente se opôs ao facto de Madonna querer adoptar a sua filha, a pequena Mercy James, de quatro anos, agora James Kambewa apenas pede que a 'diva da pop' "cuide bem" da menina. Quando a cantora apresentou um primeiro pedido de adopção num tribunal do Malawi, em Abril último, o pai biológico da menina que vivia num orfanato desde a morte da mãe, resolveu apresentar um pedido de custódia da criança para impedir a estrela de adoptar Mercy. Mas agora que Madonna recebeu a autorização para acolher a criança em sua casa, sem a obrigatoriedade de residir no Malawi durante um ano e meio, James Kambewa parece ter mudado de opinião. "Vamos deixar ir a menina...Apenas peço que [Madonna] cuide bem dela e que garanta que à medida que a menina cresce lhe seja dito quem é o seu pai biológico. Mercy tem de saber que, apesar de estar longe, o seu pai está vivo", afirmou.

Entretanto a criança mudou-se hoje para a residência de luxo que Madonna tem no Malawi, onde permanecerá com uma ama e uma enfermeira até que estejam todos concluídos os procedimentos legais da adopção. Nessa altura, prevê-se que a cantora se desloque novamente ao Malawi para ir buscar Mercy James e levá-la para a sua nova casa em Nova Iorque, onde viverá juntamente com os outros três filhos de Madonna, Lourdes Maria, Rocco e David Banda.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras