Nas Bancas

Susan Boyle

Susan Boyle

Reuters

Susan Boyle internada com um esgotamento

A concorrente de 'Britain's Got Talent' vai repousar durante os próximos dias

Melissa Tavanez
1 de junho de 2009, 16:05

Ao contrário do que todos esperavam Susan Boyle, de 48 anos, não saiu vitoriosa da final de Britain's Got Talent, arrecadando apenas o segundo lugar do concurso. Talvez devido à derrota, bem como à pressão de uma fama repentina, a estrela do programa televisivo foi ontem internada numa clínica privada da capital inglesa com sintomas de um esgotamento.
"Fomos chamados por volta das 18h de domingo a um hotel de Londres para os médicos assistirem uma mulher com um desequilíbrio emocional. (...) A mulher foi levada voluntariamente para a clínica. Ninguém foi preso e não houve alegações de crime", afirmou o representante da polícia ao jornal Daily Mail.
Entretanto também já os produtores do concurso Britain's Got Talent fizeram questão de comentar a situação. "Depois do programa de sábado à noite, Susan está exausta e emocionalmente cansada. Ela foi vista pelo médico que apoia a sua decisão de tirar alguns dias de folga para descansar e recuperar. Nós oferecemos-lhe o nosso apoio e desejamos-lhe rápidas melhoras", pode ler-se em comunicado.
Recorde-se que Susan Boyle se tornou famosa pela sua participação em Britain's Got Talent e as imagens da concorrente no YouTube a cantar a música I dreamed a dream, do musical Os miseráveis deram volta ao mundo. A súbita fama já lhe valeu um convite do presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, para actuar numa festa, convite que a dona de casa acabou por recusar. E, dado o seu recente internamento, até o primeiro-ministro inglês quis prestar o seu apoio ao novo talento. "Espero que Susan Boiyle esteja bem porque ela é muito boa pessoa. Penso que se sairá bem", afirmou Gordon Brown ao canal televisivo GMTV.

Assista à actuação de Susan Boyle na final do concurso Britain's Got Talent

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras