Nas Bancas

Bárbara Guimarães e Manuel Maria Carrilho após a Gala dos Globos de Ouro

Bárbara Guimarães e Manuel Maria Carrilho após a Gala dos Globos de Ouro

João Lima

Elegância de Bárbara Guimarães muito aplaudida por Manuel Maria Carrilho

O embaixador de Portugal na UNESCO veio propositadamente de Paris para assistir à Gala

Melissa Tavanez
24 de maio de 2009, 18:27

Manuel Maria Carrilho viajou propositadamente de Paris, onde exerce o cargo de embaixador de Portugal na UNESCO, para estar presente na Gala dos Globos de Ouro e assistir, como tem sido habitual nos últimos anos, à apresentação de Bárbara Guimarães. Suspeitando que se manteria a tradição de ser interpelado pela mulher em directo - o que de facto aconteceu, com Bárbara a fingir-se surpreendida com a presença de Carrilho na plateia e perguntando-lhe se estava a gostar do espectáculo -, vinha preparado para a situação, mas nem por isso muito tranquilo. "Sinto-me um bocadinho intimidado nessas situações, porque não faço propriamente parte do espectáculo. A Bárbara não me contou nada antes, aliás, sabe que é melhor não me contar. [risos] Mas gosto do improviso e já estou preparado para que alguma coisa inesperada aconteça", confessou, com humor, o embaixador da UNESCO, fazendo ainda rasgados elogios à elegância da mulher. "A Bárbara estava lindíssima. Os estilistas que criaram os modelos estiveram muito inspirados. Foi um desafio suplementar aos quatro e acho que funcionou muito bem." [risos] Os quatro eram, como se sabe, os nomeados na categoria de Melhor Estilista, pois, ao contrário dos anos anteriores, Bárbara não se cingiu apenas à criatividade de José António Tenente.
No palco do Coliseu dos Re­creios assistiu-se a um desfile de quatro modelos sensuais e originais criados propositadamente para uma manequim muito especial. Um palco perfeito para Filipe Faísca, Luís Buchinho, a dupla Alves/Gonçalves e Tenente deixarem fluir a sua imaginação. Fizeram-no com liberdade total por parte da apresentadora, com propostas que traduziram bem a personalidade de cada um. Foi, afinal, uma forma de todos 'subirem' ao palco, embora só um pudesse levar para casa a estatueta dourada referente ao criador que mais se destacou em 2008. Comecemos então pelo fim, já que o galardoado foi o autor do último modelo com que Bárbara Guimarães brindou os convidados da gala: um vestido comprido de corpo 'caicai' com fitas de organza aplicadas e saia extravolumosa, em organza de seda bordada com flores em organza, rosa e chumbo, assinado por José António Tenente. Pela primeira vez, o criador não trocou opiniões com a apresentadora antes de conceber o modelo e, já no final da noite, revelou: "Criei um vestido que a Bárbara pudesse gostar e sentir-se romântica, elegante e feminina... Ela gostou quando o viu e experimentou, e eu adorei vê-la com ele. Fica-lhe muito bem."
Mas recuemos ao início da noite. A apresentadora abriu o espectáculo vestida de branco e surpreendeu com uma criação de Filipe Faísca composta por duas peças: umas calças de smoking com cristais Swarovsky e bustier em crepe satin de seda. A este inesperado 'figurino' seguiu-se um vestido azul-forte com o corpo em jersey modelado com espuma já incorporada, que faz o efeito de caixa de peito, e saia em seda plissada com um drapeado grego em malha na zona da anca, assinado por Luís Buchinho. A dupla composta por Manuel Alves e José Manuel Gonçalves apresentou um modelo em tecido com lantejoulas quadradas, em tom ouro velho, com brilho ténue e luxuoso. Depois de uma noite de emoções, Bár­bara revelou: "Estes nossos quatro estilistas são fabulosos, trabalharam para esta grande gala e fizeram-no de uma forma muito divertida e descontraída em que cada um me vestiu da forma que imaginou. Foi também um expressar de emoções da parte deles." As jóias usadas por Bárbara, que fazem parte da colecção 'Attrape-moi... Si tu m'aimes', da Chaumet, deram mais brilho a todas estas criações: "Esta é uma colecção ligada ao amor, clássica, contemporânea e verdadeiramente intemporal que valorizou ainda mais os vestidos que usei." Claro que nesta noite nenhum pormenor foi deixado ao acaso e Bárbara, que é a cara da L'Oréal Paris no nosso país, teve uma equipa a cuidar do seu visual para que todo o conjunto funcionasse na perfeição. Samuel Rocher foi o responsável pelos cabelos da apresentadora e deixou claro que "é importante adequar o penteado a cada criação e ao mesmo tempo respeitar o estilo da Bárbara, o que não é muito difícil". O resultado ficou à vista.

Saiba todos os pormenores sobre a XIV Gala dos Globos de Ouro em www.globosdeouro.pt

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras