Nas Bancas

Família Sabrosa

Família Sabrosa

Joaquim Norte de Sousa

Família de Simão Sabrosa em romagem à praia onde o pequeno Diogo desapareceu

Os pais de Diogo, Serafim e Bernardete estiveram na praia da Quebrada para evocar o filho desaparecido há dois meses

Pedro Amante
17 de maio de 2009, 15:31

No dia em que passaram dois meses sobre o trágico desaparecimento do filho mais novo, Diogo, Serafim e Bernardete Sabrosa realizaram na praia da Quebrada, em Lavra, uma cerimónia simbólica, lançando ao mar flores e uma garrafa com uma mensagem. "Não é o acabar de nada. Enquanto a Marinha continuar as buscas, os pais acreditam que é possível encontrar o corpo do Diogo", contou, consternada, Cristina Mourão. A amiga do casal, que os tem acompanhado no sofrimento, adiantou: "Eles estão a ser acompanhados por psicólogos, mas é muito difícil aceitarem, porque não podem enterrar o filho." O outro filho do casal, Gonçalo, de sete anos, sente a falta do irmão e diz que "o Diogo é uma estrelinha, um anjinho no céu a olhar por nós".
Pelo telefone, Simão Sabrosa tem acompanhado a situação a partir de Madrid.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras