Nas Bancas

Sofia, filha de Paula e Vasco Bobone, casou-se em Lisboa

Sofia, filha de Paula e Vasco Bobone, casou-se em Lisboa

Sofia, filha de Paula e Vasco Bobone, casou-se em Lisboa

"Foi uma cerimónia muito familiar, simples e muito bonita, totalmente ao gosto dos noivos"

Redacção Caras
28 de abril de 2009, 00:00

Paula e Vasco Bobone estavam emocionados no dia em que a filha, Sofia Bobone, de 25 anos, advogada estagiária, se casou com Pedro Mello e Castro, de 34 anos, gestor e antigo jogador da Selecção Nacional de Rugby. A chuva intensa que caiu neste dia 18 de Abril proporcionou alguns contratempos, mas pelo menos prometeu uma boda 'abençoada', a crer no ditado popular.Num vestido Rosa Clará, Sofia chegou à Igreja da Nossa Senhora das Mercês, em Lisboa, num Bentley dos anos 50 que pertenceu ao rei Juan Carlos. O atraso de cerca de meia-hora permitira ao noivo, que chegara na companhia da mãe, Maria João Mello e Castro, ocupar o seu lugar na igreja, frente ao padre Hugo Santos. A cerimónia sensibilizou os presentes e foi animada por um coro formado por amigos dos noivos, que entoaram vários cânticos, e pela fadista Maria Ana Bobone, que interpretou o Avé Maria de Schubert. No fim, Paula Bobone não escondia a felicidade: "A chuva veio abençoar esta união. Foi uma cerimónia muito familiar, simples e muito bonita, totalmente ao gosto dos noivos", explicou a autora de manuais de etiqueta, acrescentando: "A minha filha é muito modesta e o meu genro é o máximo! [risos] Fazem um casal encantador. São caras-metades que se juntam e eu estou contentíssima, porque não há melhor do que ver uma filha casar-se." Recordando que está casada há 39 anos, Paula Bobone deixou alguns conselhos para a longevidade do casamento: "O mais importante numa relação é o sentido de compromisso e o respeito."Menos expansivo nas palavras, o arquitecto e pintor Vasco Bobone, pai da noiva, confessou apenas ter vivido momentos de "grande emoção".Depois da cerimónia religiosa, os cerca de 300 convidados rumaram ao Pavilhão de Exposições da Tapada da Ajuda, onde decorreu o copo-de-água. O espaço estava decorado em tons de rosa e lilás, com os centros de mesa ornamentados por túlipas e antúrios. Da ementa fizeram parte sopa rica de tomate e rosbife com crepes de espinafres, e no topo do bolo de noiva destacava-se um coração simbolizando a união de Sofia e Pedro, que estavam, como seria de esperar, muito sorridentes.À refeição seguiu-se um baile, aberto, como manda a tradição, pelos noivos, que logo após a primeira dança convidaram os amigos para se juntarem a eles na pista de dança. A festa acabou por se prolongar e só terminou já depois das duas horas da madrugada. Sofia e Pedro partiram nesse mesmo dia para uma lua-de-mel de três semanas que os vai levar a três destinos exóticos: Tailândia, Vietname e Camboja.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras