Nas Bancas

Sónia Araújo já se retirou do ecrã: 'Agora tenho de pensar nos meus filhos'

Redacção Caras
17 de fevereiro de 2009, 00:00

Foi com um "até já" que Sónia Araújo se despediu das manhãs da RTP, deixando os comandos do Praça da Alegria entregues ao seu parceiro e amigo Jorge Gabriel. Grávida de seis meses, de dois gémeos rapazes, a apresentadora vai agora ter tempo para preparar a chegada dos bebés e descansar. Apesar de estar tudo a correr dentro do previsto com a gravidez, Sónia Araújo sente-se fisicamente cansada e decidiu acatar os conselhos médicos, que recomendam que abrande o seu ritmo diário. Contrariando notícias que vieram a público na semana passada, e que diziam que tinha sido obrigada a repouso absoluto, a também designer de jóias e bailarina explicou à CARAS que "já calculava que isto fosse acontecer. Sabia que se engravidasse agora teria de ter cuidados que não tive quando estava grávida da Carolina, em que consegui trabalhar quase até ao final da gestação". "Não estou obrigada a repouso absoluto, mas convém não abusar, porque fico cansada mais facilmente, como é normal." A CARAS assistiu ao último programa que fez em directo, em que Sónia referiu: "Agora tenho de pensar nos meus filhos. Vou com o sentido do dever cumprido e sei que o Jorge fará um excelente trabalho sozinho." Mas nem assim a apresentadora escondeu alguma tristeza por deixar o trabalho, num programa especial em que as conversas, no estúdio e no exterior, se centraram nos no mes que vai dar aos gémeos. A produção do Praça da Alegria surpreendeu a futura mamã com uma reportagem de rua em que os portugueses deram palpites sobre o assunto. "Foi uma ideia muito engraçada e sinto-me muito feliz com o carinho que as pessoas me têm demonstrado", reagiu, embora mantendo a incógnita em relação aos nomes. "Aceito todas as sugestões, mas a decisão será tomada por mim, pelo Vítor e pela Carolina. Ela tem-se lembrado de alguns nomes, mas a maior parte é de colegas do colégio", contou, sorridente. "Volto para o 'Praça da Alegria' quando me sentir recuperada." Com o parto previsto para meados de Abril, Sónia Araújo vai aproveitar o tempo que lhe resta para "organizar a casa e dar atenção à Carolina e ao resto da família". E descansar. "Não estou obrigada a repouso absoluto, mas convém não abusar, porque fico cansada mais facilmente, como é normal", afirma, explicando que as caminhadas são agora o seu desporto obrigatório. Ao longo destes seis meses, Sónia Araújo conseguiu manter o peso normal para uma gravidez de gémeos, e a verdade é que está em grande forma. "Só tenho barriga e o peso está dentro do previsto", confirmou.Sobre o seu regresso ao ecrã, a apresentadora já fez saber que não vai gozar os seis meses a que tem direito. "Na minha profissão é complicado ficar afastado por períodos muito longos, portanto, quando me sentir recuperada, volto ao trabalho. É pouco provável que goze o tempo todo, mas tenho abertura da RTP para ficar o tempo necessário", antecipou.Quanto ao parto, Sónia não tem grandes receios. "Vou fazer cesariana, uma vez que são gémeos, e vai correr tudo bem", afirmou, mostrando-se tranquila, feliz e pronta para usufruir de cerca de três meses de "relax ao máximo", como referiu.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras