Nas Bancas

Morte de modelo brasileira está a chocar o mundo

Morte de modelo brasileira está a chocar o mundo

Morte de modelo brasileira está a chocar o mundo

O caso raríssimo de doença da jovem manequim brasileira Mariana Bridi, que foi finalista no concurso nacional para representar o Brasil na disputa do título de Miss Mundo, comoveu o país e está a dar volta ao mundo

Redacção Caras
25 de janeiro de 2009, 00:00

A modelo brasileira Mariana Bridi, de 20 anos, a quem tinham sido amputados as mãos e os pés devido a uma infecção, morreu às 2h 30m de sábado no hospital. A modelo estava internada desde o dia 3 de Janeiro e, de acordo com fonte familiar, a causa da morte foi "sepse grave, infecção urinária e hemorragia abdominal" o que gerou a falência múltipla dos órgãos. A jovem esteve 20 dias internada. Foi contaminada por duas bactérias: pseudomonas e estafilococos. Primeiro, elas infectaram o aparelho urinário. Em seguida, atingiram a corrente sanguínea e a jovem - que tinha sido posta num coma induzido para que fosse controlado o seu estado de ansiedade após a amputação - acabou por não resistir.O funeral teve lugar na tarde de sábado, em Marechal Floriano, Brasil, onde mais de mil pessoas se despediram de Mariana Bridi. "A dor é muito grande, não tem tamanho", disse Agnaldo Costa, pai da modelo, logo após as cerimónias fúnebres.O caso continua a ser investigado no Brasil e a história do brutal sofrimento e da morte prematura da jovem a ser contada em jornais e revista de todo o mundo. Médico explica as causas da morte da jovem. Veja o vídeo.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras