Nas Bancas

Leonor e João Maria, os bebés que tornaram mais rico o Natal da família Ornellas e Vasconcelos

Leonor e João Maria, os bebés que tornaram mais rico o Natal da família Ornellas e Vasconcelos

Leonor e João Maria, os bebés que tornaram mais rico o Natal da família Ornellas e Vasconcelos

Gonçalo e Leonor abriram as portas de sua casa

Redacção Caras
22 de dezembro de 2008, 00:00

Ele é ribatejano e ela alentejana, o que faz com que no Natal tenham de percorrer vários quilómetros entre Lisboa, onde vivem, Salvaterra de Magos, onde moram os pais de Gonçalo Ornellas e Vasconcelos, e Beja, onde vivem os pais de Leonor, para conseguir estar com as famílias de ambos.A CARAS conhece bem o casal, uma vez que o acompanhou durante o namoro, o casamento e, finalmente, no nascimento da primeira filha, Leonor, que tem o mesmo nome que a mãe, de15 meses, e que este ano já vai viver o Natal "de outra maneira vai interagir mais", como referiu a mãe, que define a experiência da maternidade como algo "espectacular".Gonçalo continua dedicado à actividade de criador de cavalos lusitanos e de cães de raça labrador; Leonor, formada em Matemática, é gestora de Projectos na PT Pro.No próximo ano, Gonçalo pede força para trabalhar ainda mais, de forma a manter a qualidade que conseguiu com os seus cavalos e cães nos últimos dois anos. Além do trabalho, pretende continuar a dedicar uma parte do seu tempo a aumentar a sua colecção de quadros, que já possui obras assinadas por Diogo Navarro, Pinto Coelho e Serrão de Faria.Gonçalo e Leonor Ornellas e Vasconcelos abriram as portas do seu apartamento à CARAS, para mostrar como vivem o espírito do Natal. Porque embora se dividam pelas várias casas da família, este ano, a pensar na filha, fizeram questão de decorar a casa a preceito. - Como tem sido a vossa vida desde que a Leonor nasceu?Gonçalo Ornellas e Vasconcelos - Estes últimos dois anos foram muito bons quer em termos pessoais, quer profissionais. Primeiro, porque nasceu a nossa filha, o que gerou uma mudança brutal na nossa vida. Mesmo achando que estava preparado para ser pai, só se sabe realmente o que isso é quando se torna uma realidade.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras