Nas Bancas

Theresa Mayer Mathias: Espírito festivo

Theresa Mayer Mathias: Espírito festivo

Theresa Mayer Mathias: Espírito festivo

Na companhia da sua única neta, Frederica, de três anos, a embaixatriz apresenta como sugestão para a ceia um prato que é 'herança' da família

Redacção Caras
20 de dezembro de 2008, 00:00

Foi na preciosa companhia da sua única neta, Frederica, de três anos, que Theresa Mayer Mathias preparou a sua mesa de Natal e confeccionou uma receita que, fugindo ao tradicional, não deixa de ser uma herança de família. "Em casa da minha mãe e das minhas avós existiu sempre o hábito de experimentar receitas. Os cocquelets em champanhe são como que uma adaptação, para os tempos mais modernos, de uma receita que originalmente era feita com peças de caça, nomeadamente com perdizes", explica a embaixatriz, referindo, ainda, que este é um "prato alternativo, porque não sou apreciadora de peru".Para sobremesa, Theresa Mathias sugere beignets de maçã, com molhos diversos e gelado de baunilha, acompanhados com geleias de alperce e framboesa. Apesar de não estarem na mesa, o salmão, para entrada, o peru, os sonhos e uma sobremesa de chocolate fazem também parte da tradição familiar. Este ano, a embaixatriz tem grandes expectativas relativamente à noite de Natal, não por ela, mas pela neta: "Acho que será o primeiro Natal em que a Frederica já terá consciência da importância desta época e de toda a magia envolvente. Já lhe perguntei o que ela pediu ao Pai Natal e a resposta foi encantadora: 'Muitos embrulhos.'" [risos] Esta inocência e a pureza da neta levam Theresa a acrescentar: "Apesar de ser cada vez mais comercial, ainda é possível ensinar às crianças o verdadeiro espírito de Natal." Um espírito que Theresa conheceu em vários continentes, enquanto acompanhava o marido, o embaixador Leonardo Mathias, no exercício das suas funções diplomáticas. E diz com orgulho: "Tenho recordações de infância fantásticas desta época, com os meus irmãos, mas sem dúvida que a melhor de todas foi a do primeiro Natal com a minha única filha, Constança, que nasceu no mês de Dezembro. É inesquecível."

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras