Nas Bancas

Katia Guerreiro deixa o marido, Rui Ochôa, ansioso antes de cada espectáculo: "Ela arrisca muito"

Katia Guerreiro deixa o marido, Rui Ochôa, ansioso antes de cada espectáculo: "Ela arrisca muito"

Katia Guerreiro deixa o marido, Rui Ochôa, ansioso antes de cada espectáculo: "Ela arrisca muito"

A fadista foi aplaudida de pé depois do espectáculo no Teatro Tivoli

Redacção Caras
3 de dezembro de 2008, 00:00

Katia Guerreiro viveu uma noite triunfal no Teatro Tivoli no espectáculo que marcou a apresentação em Lisboa do seu mais recente disco, Fado. Autores e compositores novos e fados tradicionais interpretados pela potente voz da cantora encheram a sala, que aplaudiu de pé e sem reservas. "Agora estou ansiosamente à espera da primeira digressão nacional, que vai começar em 2009. Finalmente vou fazer espectáculos em Portugal", desabafou a intérprete, no fim das quase duas horas de espectáculo, que na primeira nota deixaram para trás o nervosismo que Katia confirmou ter sentido quando entrou em palco.Na plateia, a família da fadista - os pais, Maria de Fátima e Eduardo Guerreiro, o irmão, Eduardo, e o marido, o fotógrafo Rui Ochôa - estava particularmente entusiasmada, tal como Maria Cavaco Silva, amiga e fã da cantora, que considerou ter assistido a "um concerto extraordinário". Conquistada pelo talento da amiga, a primeira-dama não lhe poupou elogios: "A Katia está fabulosa e foi uma noite que nos encheu a nós, portugueses, de um enorme orgulho. Os nossos poetas, a nossa música e a nossa Katia, com aquela voz que nunca mais acaba."Curiosamente, Rui Ochôa parecia estar mais nervoso do que a própria fadista e, mesmo depois de terminada a noite, o fotógrafo confessou que a mulher o assusta, "porque cada fado que canta é uma coisa nova e sempre diferente", explicou, acrescentando: "Ela arrisca muito e, embora se supere sempre, eu preocupo-me. Sofro imenso." Um sofrimento que se estende à restante família, como revelou Katia Guerreiro: "Sei que arrisco muito, mas também não fazia sentido ser de outra maneira, embora saiba que eles sofrem com isso."

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras