Nas Bancas

Henrique Feist e Susana Félix revivem infância com bonecos da 'Rua Sésamo'

Redacção Caras
31 de outubro de 2008, 00:00

Quem não se recorda do Poupas, do Egas e do Becas, ou mesmo do Monstro das Bolachas? Há décadas que as personagens da Rua Sésamo acompanham gerações de todo o mundo. Vinte e oito anos depois, o espectáculo infantil Super-Gualter em Busca dos Poderes Perdidos chega pela primeira vez a Portugal, proporcionando a miúdos e graúdos momentos de pura diversão. Aos primeiros, porque poderão ver ao vivo as personagens de uma das séries infantis mais populares de sempre, os outros, porque poderão recordar alguns momentos da sua infância. Foi isso que Henrique Feist e Susana Félix sentiram durante esta produção, mas especialmente durante os oito dias que demoraram a gravar, para o espectáculo, a voz de algumas destas personagens. Enquanto o actor empresta a voz ao Super-Gualter, o azul e cabeludo protagonista do musical, e ao Telmo, um monstrinho de voz aguda, a cantora dá voz a Zé. "Divertimo-nos muito juntos e tivemos realmente de nos concentrar bastante para não estarmos sempre a rir." (Susana) Além de Henrique e Susana, também Sérgio Godinho, Nuno Lopes, JP Simões, Tânia Ribas de Oliveira, Paula Oliveira, Filipa Pais, João Nuno Martins e Ricardo Spínola participam neste espectáculo, que conta com o apoio da CARAS e estreará dia 7 de Novembro no Coliseu dos Recreios, em Lisboa. Henrique e Susana já tinham trabalhado juntos em teatro há muitos anos, o que se revelou uma vantagem nesta situação, proporcionando alguns momentos de humor durante as gravações. "Foi uma experiência muito gira gravarmos todos juntos, mas por vezes tornou-se complicado, pois eu e a Susana não conseguíamos aguentar o riso. Foi realmente muito giro", contou-nos o actor, enquanto a cantora acrescentava: "Gostei imenso de rever o Henrique, acho-o um artista muito completo e gosto muito dele como pessoa. Divertimo-nos mesmo muito juntos, e tivemos realmente de nos concentrar bastante para não estarmos sempre a rir, mas isso não prejudicou em nada o trabalho, pelo contrário." "Estas personagens fazem parte do imaginário de uma geração." (Susana) A Rua Sésamo faz parte da infância de qualquer um dos dois, por isso este trabalho acabou por ter um sabor especial, já que lhes permitiu reviver de facto momentos do passado. "Recordo-me perfeitamente da Rua Sésamo, mas da série inglesa, pois vivi em Inglaterra de 1975 a 1978. Cresci a ver a série e adorava o Poupas e o Becas. [risos] É um imaginário que faz realmente parte das minhas memórias de infância", contou Henrique. Também Susana partilhou com a CARAS que, apesar de não se recordar da personagem Zé, "a boneca peluda e laranja que usa uma saia de balé e tem como melhor amigo uma pedra", ficou muito feliz quando recebeu este convite. "Era impossível recusar um trabalho que faz parte do meu universo enquanto criança e que me trouxe momentos inesquecíveis. Estas personagens fazem parte do imaginário de uma geração." "Era impossível recusar um trabalho que faz parte do meu universo enquanto criança e que me trouxe momentos inesquecíveis." (Susana) O maior desafio para os dois foi distanciarem-se o mais possível das suas próprias vozes. "Para mim, foi mais difícil cantar o Gualter e falar o Telmo. O Gualter, em termos falados, tinha um registo mais parecido com o meu, o Telmo tinha uma voz muito aguda, que para cantar é mais fácil. Mas também foi isso que se tornou um desafio", explicou o actor. A cantora, por seu lado, esclareceu que o mais complicado para si foi encontrar a voz indicada para a personagem, e que, apesar da sua profissão, nem mesmo a parte em que teve de cantar foi fácil. "Foi um pouco complicado. Para cantar e falar coloca-se a voz de maneiras diferentes, e tive de deixar que a personagem tomasse conta da situação para me poder abstrair. A partir do momento em que sou a Zé, a voz está lá, e esse, sim, foi o maior trabalho de todos. Encontrarmos as personagens, para que depois a gravação fosse algo menos exaustivo." Como seria de esperar, ambos fazem questão de estar presentes no dia da estreia, até porque querem partilhar com os respectivos sobrinhos as emoções das histórias vividas pelos monstrinhos mais famosos do mundo. "Os meus sobrinhos conhecem muito bem a Rua Sésamo, pois a minha cunhada é inglesa e lá estes bonecos fazem parte da vida das crianças. Claro que já lhes disse que o tio vai fazer parte deste espectáculo e espero que eles partilhem comigo uma noite que será, com toda a certeza, muito especial." "Cresci a ver a 'Rua Sésamo' e adorava o Poupas e o Becas. Esta série faz parte das minhas memórias de infância." (Henrique) Apesar dos sobrinhos de Susana não conhecerem de todo a série que está na origem deste espectáculo, pois são demasiado pequenos, a cantora afirma que faz questão de os levar, até porque o espectáculo só estará em cartaz dois dias. "Acho que eles vão vibrar muito mais com os bonecos do que propriamente com o facto da voz de uma das personagens em palco pertencer à tia. Eles já estão habituados a ouvir-me, e isso faz, naturalmente, com que dêem menos relevância a esse facto", revelou, sorridente.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras