Nas Bancas

George Clooney não se identifica com a imagem de 'sex symbol'

George Clooney não se identifica com a imagem de 'sex symbol'

George Clooney não se identifica com a imagem de 'sex symbol'

O actor encara o facto de ser uma figura pública com tranquilidade, mas continua sem perceber os 'rótulos' que lhe colocam

Redacção Caras
15 de maio de 2008, 00:00

Aos 47 anos, George Clooney confessa que está a viver uma fase muito positiva na sua vida e agradece ter-se tornado famoso depois dos 30. "Acredito que é mais fácil ser-se famoso quando temos mais idade, porque quando somos jovens não percebemos que não é normal ser reconhecido", revelou o actor à revista ¡Hola!. Hoje vive com tranquilidade o facto de ser uma vedeta e apenas lamenta os rumores que nada têm a ver com a sua maneira de ser e de estar na vida. "Sei que tenho fama de mulherengo, mas não me identifico com essa imagem de sex symbol, nem com nenhum outro 'rótulo' que me colocam, porque não correspondem à realidade", desabafa o protagonista de Ocean Thirteen. Para o futuro mais próximo, Clooney já tem alguns projectos profissionais, mas não revela nada de concreto: "Agora a minha situação permite-me fazer o que quero e não o que os outros querem que eu faça, como acontecia antes." O actor apenas adianta que prefere "dirigir do que ser actor", apesar do seu último projecto como realizador, Leatherheads, não ter sido bem sucedido. A política também continua a ser uma das suas paixões, mas afirma gostar mais do papel de espectador. Um dos homens mais cobiçados do mundo disse, ainda, que as suas prioridades, enquanto mensageiro da paz da ONU, passam por alertar as pessoas para situações de risco que se vivem em diversos países.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras