Nas Bancas

Basílio Horta de luto

Basílio Horta de luto

Basílio Horta de luto

Dor e emoção no funeral da filha mais velha do político

Redacção Caras
5 de maio de 2008, 00:00

Dezenas de familiares, amigos e personalidades de vários quadrantes políticos estiveram na missa de corpo presente da juíza Raquel Horta, de 39 anos, no Mosteiro dos Jerónimos, em Lisboa. A filha mais velha de Basílio Horta tinha ido passar o fim-de-semana ao Algarve, com o noivo, o procurador-adjunto David Pinto, e foi na viagem de regresso a casa que perdeu a vida, numa violenta colisão frontal contra um veículo todo-o-terreno que circulava fora de mão, no IC1. O magistrado, de 47 anos, ia ao volante do MG e escapou à morte, mas ficou gravemente ferido, estando ainda internado no dia do enterro de Raquel. Actual presidente da Agência Portuguesa para o Investimento, Basílio Horta, que foi um dos fundadores do CDS, contou com o apoio de Diogo Freitas do Amaral, Teresa Caeiro, Telmo Correia, Mário Soares e Maria José Ritta, entre outros.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras