Nas Bancas

Mário Jardel admite problemas com a droga

Mário Jardel admite problemas com a droga

Mário Jardel admite problemas com a droga

O futebolista confessou que foi viciado em cocaína mas que agora está curado

Redacção Caras
28 de abril de 2008, 00:00

O ex-avançado de clubes como o Porto e o Sporting deu uma entrevista à TV Globo e revelou que foi a toxicodependência que o fez abandonar o futebol. Uma situação que Mário Jardel afirma já estar ultrapassada. O ex-marido de Karen, confessou, perante o jornalista Regis Rösing, que está limpo de drogas há dois meses. O atleta explicou que entrou neste mundo depois da separação da mulher. O "Super Mário", como ficou conhecido no nosso país, disse que entrou em depressão e andou em más companhias. Jardel afirma que nunca jogou sob o efeito de drogas pois só as consumia em festas. Contudo, o avançado brasileiro revela que este é um problema comum no futebol. Em Portugal, o jogador viveu a época de ouro durante os anos 90 ao serviço do clube das Antas, depois passou para o Sporting, e, mais tarde, foi para o Beira-Mar. Mário Jardel está decidido a recomeçar uma nova vida e ambiciona voltar a jogar numa grande equipa, de preferência no Vasco da Gama ou no Grémio.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras