Nas Bancas

Decoração: Cápsulas de café são transformadas em arroz

“Reciclar é Alimentar‟ celebra o seu 3º aniversário com a entrega 66 toneladas de arroz ao Banco Alimentar, que se traduzem em mais de 1 milhão de refeições para os portugueses mais carenciados.

28 de novembro de 2012, 19:58

A Nespresso assinalou o3º aniversário do projeto “Reciclar é Alimentar‟, um programa criado na íntegrapela Nespresso Portugal em 2010 e que hoje entregou mais de 1 milhão derefeições ao Banco Alimentar Contra a Fome. Este programa consistena recolha das cápsulas da marca parareciclagem e consequente aproveitamento da borra do café (resultante doprocesso de separação do alumínio das cápsulas). Esta borra de café éposteriormente integrada num composto agrícola, utilizado para fertilizarterrenos de arroz localizados no Alentejo, sendo posteriormente processado,controlado e embalado pela Novarroz, para posterior doação ao Banco AlimentarContra a Fome. No total dos três anos, esteprojeto já permitiu angariar cerca de 123 toneladas de arroz, o que representacerca de 2,5 milhões de refeições atribuídas ao Banco Alimentar. 

Este resultado ímpar nãoseria possível sem a adesão massiva dos nossos Club Members à reciclagem decápsulas. Este ano conseguimos, uma vez mais, superar todas as expectativas ealcançar as 66 toneladas de arroz que hoje, orgulhosamente, entregámos ao BancoAlimentar Contra a Fome”, refere Francisco Nogueira, Market Director da Nespressoem Portugal. Este projeto, em que areciclagem assume o principal papel, é fruto de um grande investimento nodesenvolvimento de um sistema próprio de reciclagem de cápsulas e noestabelecimento de uma série de parcerias locais que potenciam o programa.Atualmente, a Nespresso conta com mais de 250 pontos de recolha decápsulas usadas em Portugal Continental e Ilhas, disponíveis nas Boutiques damarca e nos Pontos de Venda Parceiros.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras