Nas Bancas

Decoração: Refúgio de luxo

O Maravilha não é uma simples embarcação, mas uma casa móvel que conjuga requinte e conforto.

CARAS Decoração
1 de julho de 2014, 14:00

Todos os fins de tarde se repete o mesmo ritual a bor­do: a bandeira é içada, os ocupantes cantam o hino do veleiro e, no final, fazem um brinde. É a prova de que o Maravilha – um Beneteau 57, com 18m de comprimento e 5m de boca – tem um carácter único que se impõe, acima de tudo, pela aparência diferenciada. "A embarcação veio de fábrica com algumas alterações (sem desvirtuar as linhas do modelo) em relação à arquitetura de interiores, nomeadamente ao nível de alcatifas, madeiras e pele", dizem as autoras do projeto Rosário Tello e Carmo Aranha, do Ateliê Sá, Aranha & Vasconcelos. Com experiência em decoração de barcos, as empresárias reconhecem que é sempre um desafio trabalhar uma unidade móvel desta natureza e conferir-lhe o "ar aconchegante de uma casa", sabendo que a estabilidade não é a mesma. Todas as peças podem ser dobradas e amarráveis, sendo os elementos decorativos "passíveis de ser transformados e acomodados quando o Maravilha se encontra a velejar", subli­nham.

Palavras-chave

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras