Nas Bancas

Decoração: Luxo neoclássico

O Estúdio Antónia Pintado criou um espaço sofisticado de abordagem neoclássica, onde o luxo é assumido de forma discreta e sem ostentação. 

CARAS Decoração
25 de setembro de 2014, 14:00

Recentemente, Antónia Pintado, com a colaboração estreita dos filhos, Maria e Vasco Pintado, criou um cenário sofisticado, palco privilegiado onde dá a conhecer a filosofia presente nos espaços pensados pelo Estúdio Antónia Pintado: "Abordagem clássica, gosto refinado, materiais elegantes, equilíbrio e precisão nas escolhas", descreve, a propósito, Vasco Pintado.
Assumindo sem contemplações influências neoclássicas bem situadas no tempo, Vasco sublinha ainda "tratar-se de conceitos que têm inegavelmente prenunciações do período Biedermeier (1848) e no refinado estilo Louis XVI, dando origem a um conforto americano de modo a suavizar o lado, por vezes, rígido da arquitetura atual".
A casa histórica onde nasceu este projeto revelou-se uma mais-valia importante para o Estúdio Antónia Pintado trabalhar os interiores de acordo com valores estéticos que lhe são queridos. A dimensão da sala e varanda, a boiserie original, o posicionamento e dimensão de janelas, o pé-direito generoso e a vista agradável para o jardim, constituíram elementos que pesaram favoravelmente e vieram acentuar a filosofia do espaço: "Luxo discreto e sem ostentação, mas onde existe sempre uma sensação de opulência", potenciada ainda através da seleção de algumas peças fundamentais, como são os casos de um imponente candeeiro de tecto com acabamento de latão oxidado ou de duas sumptuosas estantes Pirâmide francesas, em olho-de-perdiz, a ladear cama adornada em tons de amarelo, com tecidos da Larsen e Christian Lacroix.   

Palavras-chave

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras