Nas Bancas

Decoração: Padrões exclusivos

A ‘designer’ têxtil lançou a sua própria marca em 2012, na feira ICFF, em Nova Iorque, onde vive. Criações suas ficaram famosas quando surgiram na série Gossip Girl.

CARAS Decoração
25 de janeiro de 2014, 19:12

Ana Romero tirou o curso de Design de Comunicação na Faculdade de Belas-Artes de Lisboa. Depois de estagiar numa agência de publicidade e trabalhar em decoração, apaixonou-se pelo desenho de estampados. Começa a desenhar, como freelancer, para ateliês, empresas e criadores de moda. Em 2012, decide lançar a marca Ana Romero.
- A textura e o padrão dos tecidos sempre a fascinaram, desde criança?
- Desde muito pequena que brincar com tecidos e linhas era o meu passatempo preferido. Aprendi a coser muito novinha, pelas mãos da minha avó Rosa. Divertia-me a fazer vestidos para as minhas bonecas e, mais tarde, roupa e acessórios para mim própria. Sempre achei que viria a ser estilista!
- Porquê o lançamento da marca Ana Romero em Nova Iorque?
- Achei que estava no lugar certo, porque há um mercado imenso e muito aberto a novidades, uma vontade de fazer coisas. Os meus desenhos são muito coloridos e isso é uma característica pouco comum no mercado em Nova Iorque, o que me dá um fator diferenciador. Quis tirar partido de todas as oportunidades e para isso sabia que tinha
que criá-las!
- A que se deve a escolha dos produtos para a primeira coleção?
- Da primeira coleção fazem parte lenços de seda, capas para iPhone e almofadas em seda. Escolhi criar acessórios de moda e decoração porque queria que os desenhos tivessem alguma longevidade.
- O facto de algumas criações terem surgido na TV, na série Gossip Girl, ajudou a projetar a marca?
- Foi um golpe de sorte que ajudou bastante a promover a marca! O facto de a Serena van der Woodsen (Blake Lively) ter usado a capa para iPhone em diversos episódios da última série, deu a conhecer o meu trabalho a um público mais alargado e principalmente aos muitos fãs da Gossip Girl. Alguns blogues de celebridades publicaram a minha história e muitos clientes procuram especificamente esse produto.
- Quais foram os aspetos mais positivos dessa mediatização?
- O aspeto mais positivo foi dar a conhecer o meu trabalho em Portugal! Foi também obrigatória a abertura de uma loja online para satisfazer os pedidos dos fãs, claro. Para os restantes clientes conta mais a chancela do Barneys, um dos mais prestigiados retalhistas de luxo em Nova Iorque, que foi o meu primeiro grande cliente.
- Como caracteriza o estilo, mercado e público da marca?
- O estilo da minha coleção é colorido, sofisticado e um pouco irreverente! A complexidade visual dos desenhos destina-se ao mercado de gama alta e apela geralmente a mulheres entre os 18 e os 40 anos que apreciam produtos exclusivos (designer label), de alta qualidade e com um design fora do comum. Trata-se de uma mulher jovem, moderna, citadina e irreverente q.b.!
- Os produtos e acessórios para a casa são também uma aposta?
- O design de interiores é outra das minhas paixões. Tendo trabalhado em decoração e conhecendo este mercado, quis aliar a moda à decoração. Fui buscar à moda a complexidade visual, em termos de estampados, que geralmente não se vê na decoração. Acho que é uma nova abordagem.
- Para quando a marca em Portugal?
- As capas para telemóvel já estão disponíveis, desde outubro, nos quiosques da Smart Talk, no Oeiras Parque e no Braga Parque. Tenho também prevista a abertura de um showroom em Lisboa para 2014, disponível por marcação.
- 2013/14: sonhos, planos, projetos?
- Tantos! Gostaria de apresentar a minha coleção de tecidos de decoração na feira de Milão (Salone del Mobile), em Paris (Maison & Objet) e em Frankfurt (Ambiente). Como já referi, a abertura de um showroom em Lisboa e ainda difundir a marca na Europa e Ásia.

Palavras-chave

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras