Nas Bancas

Decoração: Portugal faz bem

O design, despertando emoções, é utilizado na diferenciação da Amaria Criativa, jovem marca portuguesa, cujos produtos, da iluminação ao mobiliário, marcam pontos pela excelência criativa.

27 de novembro de 2012, 18:49

– Quando, e porquê, foi criada a marca?

– A Amaria Criativa surge como desenvolvimento de um projeto numa cadeira de mestrado onde foi proposto, a cada aluno, enquanto designers, criar a sua própria marca. Ana João, inspirou-se, tendo como principal preocupação um nome português que fosse facilmente entendido além-fronteiras. A escolha do nome Amaria Criativa deve-se sobretudo à identificação e dedicação das mulheres portuguesas mas também com a brincadeira de estudantes do nome Ana João com a Maria. A Amaria Criativa iniciou assim o caminho para além do desafio curricular, a aceitação por parte de entidades de design levou Ana João a continuar  com uma 'brincadeira' de aulas, e transformá-la em algo sério profissionalmente.

– Onde são fabricadas as peças, e com que métodos?

–  Cada peça é desenvolvida cuidadosamente por pequenos fabricantes da região norte de Portugal, sob a supervisão da designer (Ana João) para garantir a qualidade desejada.

– A que mercado se destina?

– A marca pretende levar orgulhosamente a sua produção e criação nacional além-fronteiras, não descuidando nunca o mercado luso.

– O que distingue a marca, e as suas peças, das já existentes no mercado?

– Focada na expressão de emoções através das suas peças, a Amaria criativa procura colmatar uma carência de design emocional no mercado luso. Através de uma abordagem criativa de interpretação das peças em contexto, procura responder à necessidade vital do ser humano de interagir com o mundo que o rodeia.

– Próximos projetos...

– Mantendo o seu espírito inovador e jovial, a Amaria Criativa pretende desenvolver as suas peças de mobiliário, alargando e complementando a oferta existente.

– Prémios já recebidos e participação da marca em feiras...

– Primeiro prémio no desafio Arte Natural 2010, da RBR (Rural Boucha e Rosas), e menção honrosa no desafio Kola-t, da TMN, em 2012. Em 2011, ganhou o terceiro prémio com a Mesa de Jantar Furo No Prato, no Concurso Nacional de Design – Mobiliário Interior, promovido pela APD (Associação Portuguesa de Designers) e pela empresa LASKASAS.

Este ano, a Amaria Criativa destacou-se no Oporto Show e contou com a presença das suas peças na feira Maison & Objet, em Paris, e em Londres, na 100% Design.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras