Nas Bancas

Descubra como Zé Pedro dos Xutos e Pontapés sobreviveu a um Tumor no Fígado

A propósito do Dia Europeu da Doação e Transplantação de Órgãos que se celebra no próximo dia 10 de outubro em lisboa, foi criada uma campanha de sensibilização e de alerta público que contou com a participação de alguns embaixadores que tinham uma história a partilhar sobre o tema. Entre eles, o Zé Pedro dos Xutos e Pontapés, que nos contou como sobreviveu a um tumor no fígado e como se sente mais vivo que nunca…

CARAS
8 de outubro de 2015, 10:22

Em 2010, Zé Pedro descobriu que tinha um tumor no fígado e passou para as listas prioritárias de transplante. Sempre foi otimista mas confessa que os últimos 15 dias antes do transplante foram muito complicados. Estava muito debilitado e lembra-se de querer fazer a operação o mais rápido possível. Um dia recebeu um telefonema que mudou a sua vida, “temos um fígado compatível para si. Vamos operar amanhã de manhã”. Sentiu uma felicidade inesquecível, todo o peso que tinha em cima desapareceu. Mal recuperou da operação só pensava no concerto que queria dar no mês seguinte… E deu! Ao fim de 4 anos todas as análises indicam que existe uma ótima relação entre o Zé Pedro e o fígado…

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.