Nas Bancas

Marcelo Rebelo de Sousa

Marcelo Rebelo de Sousa

Getty Images

Marcelo Rebelo de Sousa diz que tomada de posse correu "como tinha sonhado"

O dia terminou com um concerto que contou com as atuações José Cid, Paulo de Carvalho, Anselmo Ralph, HMB, Pedro Abrunhosa e Diogo Piçarra.

Lusa
10 de março de 2016, 10:04

Marcelo Rebelo de Sousa confessou que o dia da tomada de posse correu "como tinha sonhado", destacando "a mensagem de unidade dos portugueses, diálogo, fraternidade, aproximação e superação daquilo que os divide".
À saída da cerimónia na qual condecorou o ex-Presidente da República Aníbal Cavaco Silva com o Grande Colar da Ordem da Liberdade, que decorreu esta quarta-feira, dia 9, no Palácio da Ajuda, e antes de ir para o concerto comemorativo da tomada de posse, na Praça do Município, em Lisboa, Marcelo Rebelo de Sousa falou em dois pontos diferentes aos jornalistas, confidenciando que este tem sido "um dia longo".
"A ideia de ser uma mensagem de unidade dos portugueses, de diálogo, de fraternidade, de aproximação, de superação daquilo que os divide, e agora também com os jovens, correu muito como eu tinha sonhado", respondeu aos jornalistas, garantindo que ainda tinha energia para o concerto.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras