Nas Bancas

Atentados em Paris: Mais de 100 mortos na sala de espetáculos Bataclan

Durante ao assalto policial foram mortos três presumíveis terroristas.

Lusa
14 de novembro de 2015, 00:56

O número de mortos do ataque terrorista à sala de espetáculos Bataclan, em Paris, já ultrapassa os 100, informaram fontes policiais, depois de terminada a operação de resgate dos reféns.

O presidente francês, François Hollande, está a caminho do Bataclan, para se inteirar da situação. Quando o Bataclan foi atacado estavam cerca de 1.500 pessoas a assistir a um concerto. Durante ao assalto policial foram mortos três presumíveis terroristas.

Os atacantes da sala de espetáculos parisiense Bataclan dispararam de rosto descoberto durante vários minutos contra o público que assistia a um concerto, tendo inclusive recarregado as armas, relatou um jornalista presente no local.

O diário francês Libération reproduziu no seu sítio na internet o testemunho de Julien Pearce, jornalista da Europe 1, que se encontrava no Bataclan quando começou o tiroteio.

"Vários indivíduos armados entraram no concerto e dois ou três de rosto descoberto começaram a disparar com armas automáticas de tipo 'kalachnikov' ao acaso sobre a multidão", relatou.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras