Nas Bancas

papa.jpg

Getty Images

Papa Francisco deseja "uma igreja pobre para os pobres"

Num encontro com jornalistas, Jorge Bergoglio explicou também a escolha do seu nome papal.

Redação CARAS
16 de março de 2013, 14:32

O Papa Francisco encontrou-se hoje com jornalistas no Vaticano e desejou "uma igreja pobre para os pobres". "Como eu gostaria de uma Igreja pobre, para os pobres", afirmou.
Além disso, explicou também porque escolheu o nome de São Francisco de Assis: "Francisco é o nome da paz, e foi assim que esse nome entrou no meu coração".
"Durante a eleição, eu estava ao lado do arcebispo [emérito] de São Paulo, Cláudio Hummes, um grande amigo (...) Quando as coisas ficaram perigosas, ele reconfortou-me. Quando os votos atingiram os dois terços, ele abraçou-me, beijou-me e disse-me: Não te esqueças dos pobres", contou o pontífice.
"Imediatamente, em relação com os pobres, eu pensei em Francisco de Assis", disse. O novo Papa acrescentou que para si aquele santo é "um homem da pobreza, um homem da paz, um homem que amava e protegia a criação. Neste momento as nossas relações com a criação não vão muito bem".
O pontífice também agradeceu aos meios de comunicação pelo seu trabalho nestes dias e falou acerca da dificuldade de informar sobre os eventos da Igreja, já que "não são uma categoria mundana e por isso não são fáceis de comunicar a um público vasto e heterogéneo".
Francisco acrescentou que a comunicação deve basear-se na busca da "verdade, da bondade e da beleza" tal como faz a Igreja.

Palavras-chave

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras